O que são cochonilhas e como combatê-las

0

Começa com pequenas bolinhas brancas nas plantas. Você acha que é fungo, mas descobre que suas plantas estão infestadas com uma praga, um inseto chamado de cochonilha. O que fazer agora? Vamos explicar tudo nesse artigo!

Primeiramente vamos conhecê-las, para então combatê-las. As cochonilhas são pequenos parasitas que sugam a seiva e os nutrientes das plantas, podendo ser encontradas em vasos e jardins.

Com origem no México, esse pequeno inseto pertence à Ordem Homoptera e à superfamília Coccoidea. Nos jardins são comuns as Dactylopius coccus, que vamos tratar neste texto.

Esses bichinhos não ultrapassam 3,5 milímetros de comprimento. Eles secretam uma cera adocicada que reduz a capacidade fotossintética da planta afetada, facilita o aparecimento de fungos e ainda atrai formigas doceiras.

Ao lado dos pulgões e dos caramujos, são as pragas de jardim que fazem mais estragos.

Foto de uma cochonilha, um pequeno inseto branco de aproximadamente 3,5 milímetros, em cima de uma folha vermelha e um fundo preto.
Uma cochonilha parece até um pedacinho de algodão. Mas essa praga tão pequena acaba com as suas plantas!

O primeiro sinal da presença de cochonilhas nas plantas é o surgimento de pequenas bolinhas brancas, que parecem algodão, nos caules mais próximos das folhas.

Em seguida as folhas começam a murchar e manchas escuras ou amareladas aparecem. A planta perde o vigor e, se não forem tomadas medidas de remoção da praga, ela pode morrer.

As cochonilhas são parentes das cigarras e dos pulgões e podem apresentar coloração variada. Elas podem ser brancas, marrom, avermelhadas, verdes ou enegrecidas. Alguns tipos têm corpo mole enquanto outros têm uma carapaça dura. Tudo isso dificulta a identificação da proliferação.

Por que aparecem as cochonilhas?

Em geral as pragas aparecem em solos de vasos ou jardins que estão com falta de nutrientes, ou seja, que não estão em condições favoráveis e saudáveis para as plantas.

O surgimento de cochonilhas indica que a terra tem deficiência de cálcio, por exemplo. Então, a melhor forma de prevenir a presença de pragas nos vasos e jardins é cuidar muito bem da adubação.

O que são cochonilhas e como combatê-las 1
Galho infestado de cochonilhas. Combata essa praga o quanto antes!

Escolha adubos que tenham, pelo menos, 11 nutrientes, que são as letras correspondentes aos elementos químicos presentes, como o nitrogênio (N), potássio (K), fósforo (P), enxofre (S) e cálcio (Ca).

Os insetos acabam entrando nas casas, muitas vezes nos produtos de hortifrúti ou da feira, em roupas e até mesmo nos sapatos. Por isso é importante estar sempre atento aos vasos e jardins, identificando os possíveis problemas logo no início.

Elas não gostam de água em excesso, mas adoram o calor.

Como combater as cochonilhas?

A boa notícia é que é relativamente fácil combater as cochonilhas.

Existem algumas receitas, que podem ser feitas em casa mesmo, que ajudam a eliminar essa praga dos vasos de plantas e jardins.

Dependendo do estágio de contaminação, você pode utilizar medidas mais simples ou mais complexas para combater essa praga.

1. Vinagre ou álcool etílico

Se as cochonilhas estiverem contidas ainda em uma pequena parte da planta, como apenas um ramo ou na ponta de uma folha, o ideal é embeber um cotonete em vinagre ou álcool etílico e limpar a área afetada.

Se a infestação for um pouco maior, pode fazer o mesmo processo utilizando uma esponja ou escova e depois borrifar água com sabão.

Corte ou rale 100 gramas de sabão em pedra neutro e dissolva em 10 litros de água. Borrife no jardim ou nos vasos em que há infestação de cochonilhas.

Mas tenha bastante atenção porque as cochonilhas podem se esconder em lugares inacessíveis nas plantas.

2. Fumo de corda

Para essa receita é preciso acrescentar 100 gramas de fumo de corda em pedaços em meio litro de álcool e meio litro de água. Deixe a mistura descansar por 15 minutos.

Para ajudar a manter a solução de fumo de corda nos insetos você pode misturar com um pouco da calda de sabão feita no item anterior.

Essa mistura cria uma película protetora nas cochonilhas, impedindo que elas respirem, e o resultado é que elas morrem por asfixia. Além disso, não é tóxica, portanto, não causa qualquer dano à planta ou a quem faz a aplicação.

Mas é importante que a aplicação aconteça sempre no final da tarde, quando o sol já não está muito forte, e que se repita uma vez por semana até a infestação acabar, para garantir que todos os estágios da praga sejam eliminados.

3. Erva-de-Santa-Maria

Outra receita bastante eficiente é deixar 200 gramas de erva-de-santa-maria, também conhecida como mastruz, amolecidas em 1 litro de água fria durante 6 horas. Após passar esse tempo, aperte bem as folhas para extrair o suco e dilua em 5 litros de água limpa.

Use essa mistura com um pulverizador sobre as partes atacadas pelas cochonilhas.

O que são cochonilhas e como combatê-las 2
Folhas da erva-de-Santa-Maria ou Mastruz.

4. Alho

O alho é um importante agente bactericida, antibiótico e inseticida, excelente para controlar biologicamente as pragas de jardim.

O uso pode ser feito de duas formas: na primeira você pode plantar os dentes de alho em volta das plantas mais suscetíveis à infestação de pragas. Faça uma barreira de proteção para repelir os insetos.

A segunda forma é fazer uma decocção de alho, para isso ferva 1 litro de água com três dentes grandes de alho até dissolver. Depois bata essa mistura e junte mais 1 litro de água. Depois de fria, pulverize a mistura na planta infestada, lavando as folhas e ramos.

5. Óleo mineral

Mais uma opção para combater as cochonilhas é diluir 5 ml de óleo (aproximadamente uma colher de sopa) de óleo mineral para 1 litro de água.

É importante manter a proporção indicada para não danificar as plantas. Outra recomendação necessária é aplicar sempre à noite ou então em horários em que o sol esteja bem fraco, como no final da tarde, para evitar “fritar” a planta.

Como cuidar da planta depois de combater as cochonilhas?

Depois de utilizar essas receitas por algumas semanas, até que seja perceptível a melhora da condição do jardim, chega a hora de pensar em evitar uma nova infestação.

Comece podando as partes danificadas, colocando os resíduos em sacos de lixo bem vedados ou até mesmo queimando, se for possível.

Folha de planta com várias cochonilhas, mostrando a infestação.
Folha infestada de cochonilhas, as pequenas bolinhas brancas nem parecem insetos!

É importante também fazer um “curativo” nas partes podadas, para evitar que fungos ou vírus ataquem a planta. Para isso é indicado utilizar canela em pó nas partes cortadas.

A canela ajuda a cicatrizar e também espanta as formigas.

Em seguida é importante verificar as condições do solo, a exposição à luz do sol e também a irrigação. Lembre-se de que todas as plantas precisam de água e luz do sol, mas cada uma tem uma necessidade diferente, algumas mais outras menos.

Procure adubos orgânicos ou nutrientes para melhorar as condições do solo dos seus vasos e jardins.

E, além disso, é muito importante que você tenha o cuidado de sempre monitorar as plantas, verificando cada mudança e a adaptação da planta às novas condições implementadas.

Seguindo todas essas dicas você terá ótimos resultados no combate às cochonilhas.

Conte-nos sua experiência nos comentários, no final da página. Sua opinião é importante e nos motiva a produzir mais conteúdos como esse!

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Available for Amazon Prime