Flores para colorir o seu jardim durante o inverno

0

Tradicionalmente, a primavera é conhecida como a estação das flores. De fato, entre os meses de setembro e dezembro diversas espécies florescem e tornam a paisagem mais alegre e colorida. Porém, não é apenas na primavera que podemos desfrutar da beleza das flores.

Existem algumas espécies que são conhecidas como “flores de inverno”, por se adaptarem melhor ao frio e desabrocharem durante essa época do ano. Graças a elas, podemos ter um jardim florido e vívido mesmo nos períodos de temperaturas baixas.

É importante dizer que as flores devem ser semeadas entre os meses de abril e maio para garantir que elas floresçam no inverno. Além disso, cada espécie necessita de cuidados próprios para permanecer saudável durante os dias mais frios.  A seguir, confira algumas flores de inverno e como cultivá-las.

01. Ciclames (Cyclamen persicum)

flores para jardim de inverno

A Ciclame é uma das flores mais utilizadas em regiões frias, pois se adapta muito bem às temperaturas baixas, suportando até 5ºC. Por esse motivo, é popularmente conhecida como a “rainha da estação”.

Sua resistência ao frio deve-se ao fato de ser originária de países mediterrâneos, em que as estações mais frias costumam não ultrapassar 18ºC. No entanto, podem ser encontradas em outros países, como Síria, Irã e Somália.

Os Ciclames são conhecidos pela sua folhagem verde escura e flores coloridas. Atualmente, reconhecem-se 04 cores: vermelha, branca, roxa e rosa. Sua floração ocorre no inverno, entre março e outubro. Porém, com os cuidados certos, pode durar por muitos anos.

Como cultivar

A Ciclame é uma flor que exige poucos cuidados. A primeira recomendação é plantá-la em um local que não tenha luz direta, como embaixo de uma árvore, por exemplo. Em relação à rega, o ideal são duas vezes por semana em épocas mais frias e uma vez a cada dois dias em estações mais quentes.

É válido ressaltar que os Ciclames podem ser tóxicos e não devem ser ingeridos. Então, se você tiver animais de estimação, os mantenha longe.

02. Camélia (Camellia japonica)

camélia na decoração

A Camélia, também conhecida como cameleira ou japoneira, é uma flor de origem asiática muito comum nas regiões do Japão e Coreia. Embora floresça durante o ano inteiro, as camélias destacam-se durante o inverno.

Durante essa estação, suas flores nascem bicolores, podendo ser encontradas nas tonalidades vermelhas, rosadas ou brancas. Popularmente, dizem que cada uma das cores possui um significado.

As cor-de-rosa representam grandeza de espírito, as brancas simbolizam a beleza e as vermelhas o reconhecimento. Ademais, também acredita-se que são as flores dos apaixonados, pois as pétalas e o cálice das flores permanecem unidos durante todo o ciclo de vida da planta.

Como cultivar

A Camélia é uma planta de fácil cultivo, mas necessita de alguns cuidados básicos. O primeiro deles é plantá-la em locais que tenham luz solar direta em algum momento do dia. Porém, ela é sensível a temperaturas altas e se adapta melhor ao frio, sendo indicada para aqueles que moram em regiões mais frias do país.Após o plantio, a Camélia deve ser regada a cada dois dias, até encharcar. Depois, para mantê-la saudável, a recomendação é realizar a rega três vezes por semana no verão e duas vezes por semana no inverno.

Após o plantio, a Camélia deve ser regada a cada dois dias, até encharcar. Depois, para mantê-la saudável, a recomendação é realizar a rega três vezes por semana no verão e duas vezes por semana no inverno.

03. Amor-perfeito (Viola Tricolor)

flor amor perfeito

Cientificamente conhecida como Viola tricolor, o amor-perfeito é uma das flores mais comuns em regiões frias, pois são capazes de suportar temperaturas baixas e geadas. Ela é uma planta rasteira e atinge, no máximo, 15cm de altura.

Suas flores são pequenas e apresentam uma enorme variedade de cores, como amarelo, roxo, azul, branco, rosa e o castanho. Outra curiosidade do amor-perfeito é que são comestíveis e frequentemente são utilizadas para decorar diversos pratos.

Como cultivar

A Viola tricolor é fácil de ser cultivada e não exige muitos cuidados. A recomendação é plantá-la em locais que apresentam exposição solar ou sombra parcial, mas com alta luminosidade. O solo deve permanecer sempre úmido, mas nunca encharcado.

04. Cravos (Dianthus caryophyllus)

tipos de cravos flor
Nos casamentos tradicionais, os cravos na lapela dos trajes podem ser usados pelo noivo ou padrinhos

O cravo é uma flor originária do Extremo Oriente e mundialmente conhecida por seu perfume singular. Graças ao seu aroma, é muito utilizado na fabricação de incensos, óleos aromáticos e essências.

Os cravos chegam até 80 centímetros e podem ser encontrados em diversas tonalidades. No entanto, as flores mais comuns são as brancas, vermelhas, roxas e amarelas. Popularmente, cada cor representa um sentimento: as flores vermelhas estão ligadas ao amor verdadeiro e gratidão, as rosas demonstram carinho e o cravo branco traz a mensagem de pureza.

Como cultivar

Assim como outras flores, o cravo é uma planta de fácil cultivo e que se desenvolve melhor em clima ameno ou frio. Nessas condições climáticas, o craveiro floresce no fim da primavera, no verão e no início do outono.

Para se desenvolver, as flores necessitam de luz solar direta por, pelo menos, 04 ou 05 horas diárias. Em relação à rega, o solo deve permanecer levemente úmido, mas nunca encharcado, pois o excesso de umidade prejudica seu crescimento.

05. Azaléa (Rhododendron simsii)

azaleia como cuidar

As azaléas (ou azaléias) também são ótimas alternativas para quem deseja manter um jardim florido durante o inverno. Originárias da Ásia, as azaléas estão disponíveis em diferentes tamanhos, desde arbustos que atingem 2 metros de altura até mini flores que são utilizadas em canteiros e jardineiras.

Uma característica muito admirada nessa planta é sua grande variedade de cores, podendo ser encontradas em tons de rosa, branco, vermelho,  mescladas e amarelas. Graças a sua beleza inigualável, é utilizada em projetos de paisagismo, canteiros e decoração de festas.

É importante ressaltar que as azaléas são tóxicas e não devem ser ingeridas. Então, tome cuidado, principalmente se tiver animais de estimação.

Como cultivar

A azalea floresce durante o inverno e se adapta tanto em ambientes internos quanto externos. Para crescerem saudáveis, elas necessitam de luz solar direta por 04 horas diárias e devem ficar em locais com pouco vento.

Se decidir plantá-la no jardim, regue apenas quando o tempo seco perdurar por mais de uma semana. Mas, se ela estiver no vaso, regue um pouco todo dia. Ademais, se ela estiver dentro de casa, é importante colocá-la em frente da janela para tomar sol.

Após a leitura, esperamos que você tenha conhecido algumas flores e tenha um jardim colorido mesmo durante o inverno.💚Para conhecer outras espécies e como plantá-las, clique aqui.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Available for Amazon Prime